Siga-nos

Política

Justiça aplica multas a Lula e Boulos por propaganda eleitoral antecipada

Publicado

em

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o pré-candidato à Prefeitura de São Paulo (SP), Guilherme Boulos (PSOL-SP), foram penalizados nesta sexta-feira (21) com multas por propaganda eleitoral antecipada.

A sanção foi aplicada depois que Lula pediu votos para Boulos durante um evento no Dia do Trabalhador, em 1º de maio. O juiz eleitoral da 2ª Zona Eleitoral de São Paulo, Paulo Sorci, determinou uma multa de R$ 20 mil para Lula. Para Boulos, o valor da multa é de R$ 15 mil. Cabe recurso.

A decisão da Justiça Eleitoral atende a uma solicitação do diretório municipal do Novo, que tem Marina Helena como pré-candidata à prefeita de SP.

“Ninguém derrotará esse moço aqui se vocês votarem no Boulos para prefeito de São Paulo nas próximas eleições”, declarou Lula na ocasião.

“Vou fazer um apelo: cada pessoa que votou no Lula em 89, em 94, em 98, em 2006, em 2010, em 2018… 2022, tem que votar no Boulos para prefeito de São Paulo”.

A propaganda eleitoral só será permitida a partir de 16 de agosto, após o registro oficial das candidaturas na Justiça Eleitoral. A legislação prevê multas que variam de R$ 5.000 a R$ 25.000 para quem realizar propaganda antes do prazo regulamentar.

Continue Reading
Deixar um comentário

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Copyright 2021 - 2024 - Revista Brasil